Emiliano Martinez evitou ser expulso contra o Lille na Conference League

O goleiro do Aston Villa, Emiliano Martínez, evitou ser expulso na recente partida das quartas de final da UEFA Conference League contra o Lille, apesar de ter recebido o segundo cartão amarelo por provocação na disputa de pênaltis. Isso se deveu ao Artigo 10 das Leis Internacionais do Jogo do Futebol, que estabelece que os cartões amarelos são cancelados antes da disputa de pênaltis.O incidente ocorreu nos últimos momentos da partida, que terminou em 2 a 1 para o Lille após prorrogação. Com o placar agregado empatado em 3 a 3, a partida foi para a disputa de pênaltis para decidir quem passaria às semifinais. Enquanto os jogadores se preparavam para os pênaltis, Martínez recebeu o cartão amarelo do árbitro por conduta antidesportiva, seu segundo cartão amarelo no jogo.

Normalmente, um segundo cartão amarelo resulta em um cartão vermelho e na expulsão do jogador. No entanto, entrou em vigor a pouco conhecida regra do Artigo 10, que estabelece que quaisquer cartões amarelos mostrados aos jogadores são cancelados antes da disputa de pênaltis. Isso permitiu que Martínez permanecesse em campo e desempenhasse um papel fundamental na disputa de pênaltis, fazendo uma defesa crucial para dar vantagem ao seu time.O Aston Villa acabou perdendo na disputa de pênaltis por 4 a 3, com o Lille avançando para as semifinais da Liga Conferência. Apesar da derrota, os torcedores do Villa ficaram aliviados ao ver o goleiro evitar o cartão vermelho e posterior suspensão, o que poderia ter impactado significativamente as chances do time na competição. O incidente destacou as regras únicas que cercam as disputas de pênaltis no futebol e como elas às vezes podem levar a resultados inesperados.

Emiliano Martínez ajuda Aston Villa a avançar na Conference League

O goleiro argentino Emiliano Martínez recebeu a primeira advertência aos 39 minutos da partida.

Para recapitular, o marcador foi aberto aos 15 minutos pelo médio da equipa da casa Yusuf Yazıcı, que já tinha jogado pelo CSKA Moscovo. Ele foi auxiliado pelo zagueiro do Lille, Gabriel Gudmundsson. Aos 68 minutos, a vantagem da equipa da casa foi duplicada pelo médio Benjamin André, que marcou após passe do médio Hákon Arnar Haraldsson.Aos 87 minutos, o zagueiro do Aston Villa Matty Cash marcou, empatando o placar agregado na eliminatória de duas mãos. Não houve gols nos 30 minutos adicionais da prorrogação e o Aston Villa saiu vitorioso na disputa de pênaltis.

Aston Villa, Emiliano Martínez,png

Apesar de receber o primeiro cartão amarelo aos 39 minutos, Martínez conseguiu permanecer em campo durante toda a partida devido à regra pouco conhecida que cancela os cartões amarelos antes da disputa de pênaltis. Isto permitiu ao guarda-redes argentino desempenhar um papel fundamental nos pênaltis decisivos, ajudando a sua equipa a avançar para as meias-finais da UEFA Conference League.A partida destacou a importância de compreender as nuances das leis do jogo, bem como o impacto potencial que regras obscuras podem ter no resultado de eliminatórias disputadas na copa. O Aston Villa ficará aliviado por ter escapado a uma potencial suspensão do seu influente guarda-redes, à medida que continua a sua campanha europeia.

Qual das seguintes opções descreve melhor o desempenho de Emiliano Martínez no jogo dos quartos-de-final da UEFA Conference League?
Martínez recebeu cartão vermelho e foi expulso, o que impactou negativamente as chances do Aston Villa.
100%
Apesar de receber o cartão amarelo, Martínez conseguiu permanecer em campo devido a uma regra pouco conhecida e teve papel fundamental na vitória na disputa de pênaltis.
0%
Voted: 1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima